quarta-feira, 9 de julho de 2008

Wall - E

Bom galera já faz alguns dias que eu assisti Wall-E pela segunda vez, e devo confessar que o filme merece vários elogios, senão os melhores !!.....por que pela segunda vez??
...É que da primeira vez que fui assistir, no dia da estréia, recebi uma ligação no começo do filme, e era minha mão dizendo que meu cachorro estava passando mal....Sim! Eu tenho meu cachorro com um filho e fiquei desnorteado, por isso não consegui assistir o filme por maior que fosse a tela....whatever! Meu baby já está ótimo, e eu fui novamente assistir o filme....confesso que chorei!

Além dos excelentes efeitos gráficos , o fime traz uma crítica feroz que talvez não surpreenda o público alvo de uma animação (leia-se crianças ), mas com certeza mexeu com o senso ético dos pais e outros adultos que estavam na sala do cinema!

Uma história de amor e sentimento entre máquinas, num lugar onde não existem mais humanos (profético?) devido à auto-extinção da humanidade pela sua própria poluição (profético?).
Enfim, o filme é um retrato do que pode vir a acontecer um dia na terra, se não tomarmos consciência urgente, cada um fazendo a sua parte, sobre a poluição no planeta!
Também achei bem legal a critica aos humanos obesos e fúteis, pela total dependência das máquinas...... Realidade? Futuro? profético??? perguntem-se a si mesmos!!!

A única coisa que sei, é que Wall - E é apaixonante, pra quem ainda não viu, não perca!! Vai aí um pequeno trailler desse fofo!



3 comentários:

Râzi disse...

Rapaz, eu também fiquei apaixonado pelo Filme!

Ele mexe demais com a gente!

E Wall-E trás em si tudo que encanta! Esperança, simplicidade, determinação, inocência... gente.. e estamos falando de uma maquininha de compactar lixo!!!

Beijão!

Serginho Tavares disse...

estou louco pra ver esse filme
todos falam super bem e adoram

beijos
adorei esse blog

Passageiro disse...

Preciso ver esse filme, dá proxima vez, desliga o celular rs...

Que bom que o filhote está bem, isso é motivo para tirar por completa a nossa concentração